23 MAIO — 02 JUNHO 2024

23 MAIO — 02 JUNHO 2024

Ojitos mentirosos

Elena Duque

Espanha
2024, 6'

Um filme que joga com enganos. O trompe-l’œil é, em si mesmo, um género pictórico pensado para brincar e criar elementos de confusão na percepção do espectador. O filme vai-nos passeando pelas ruas de Madrid em busca destes ingredientes, mas também os cozinha numa receita própria do seu cinema.

A começar pelo cartão de abertura, quando Elena Duque coloca uns olhinhos autocolantes (“googly eyes”) nos dois O’s da palavra “ojitos”, fica claro o método lúdico que a realizadora empregará neste pequeno filme: o jogo de palavras, a literalização dos duplos sentidos, a manipulação (porque manuseado) da imagem e a interrogação brincalhona dos sistemas de representação. Daí em diante, as surpresas são muitas: nada é o que parece (os olhos mentem…) e a imagem vai-se decompondo, perdendo progressivamente o seu valor indexical até chegar à pura iconografia. Da fotografia ao trompe-l’oeil urbano (os prédios em obras disfarçados por lonas de fachadas imaginárias), passando pela imagem dentro da imagem, a projeção dentro do filme, a sombra (como imagem primitiva) e, claro, o espelho, Elena Duque convoca todos os dispositivos visuais para refletir – humoristicamente – sobre o poder transformador do olhar (e da câmara de filmar). (Ricardo Vieira Lisboa)

Silvestre

SESSÕES

FICHA TÉCNICA

TIPO DE ESTREIA
Nacional
TÍTULO ORIGINAL
Ojitos mentirosos
LEGENDAS
Nenhum
ARGUMENTO
Elena Duque
FOTOGRAFIA
Elena Duque
SOM
Elena Duque
MONTAGEM
Elena Duque
PRODUTOR
Elena Duque
VENDAS
Elena Duque ([email protected])

PARTILHAR

CURTAS DO MESMO PROGRAMA

NEWSLETTER

  • TIPO DE CONTEÚDO