Eclipse – une esthétique de la censure

Gilles Ribero, Gwendal Sartre, Noé Grenier

IndieLisboa 2020 •

Documentário, Experimental, 2018, 16′

A censura no cinema visou produzir um corte ou uma opacidade nas imagens de certos filmes por questões morais ou políticas. Acedendo a cartas dos censores do cinema francês nos anos 50, 60 e 70, imagina-se aqui o que seria isso de uma “estética da censura”.