23 MAIO — 02 JUNHO 2024

23 MAIO — 02 JUNHO 2024

Uma Mãe Vai à Praia

Pedro Hasrouny

Portugal
2023, 16'

Teresa, uma mãe solteira, passa o dia na praia com o seu filho de seis anos, Benji, e a sua irmã Marga, que regressou a Portugal para passar as férias de verão. O dia torna-se stressante com o discurso constante da irmã sobre as conquistas do filho e as suas críticas a Benji. 

Em Uma Mãe vai à Praia há um plano que nos coloca imediatamente dentro do filme. De cima vemos uma mulher sozinha a tomar banho, a precisar de descanso e a necessitar de ser revigorada. Esta imagem que não nos sai da cabeça de uma mulher (Cláudia Jardim) de fato de banho vermelho e cabeça cansada, a tentar boiar, é o retrato universal de muitas mães e pais solteiros, que não se sentem de férias, mesmo quando os indicadores parecem estar todos lá. A educação dentro de portas é escutada do exterior, é confrontada pelo exterior, é discutida no exterior. É isso que faz a irmã desta mulher sempre a colocar em evidência os sucessos do seu filho, por oposição ao filho da irmã. A praia como espaço de libertação é aqui um espaço de constrangimento e de medos. Por isso, acreditamos que o fim do filme será essa imagem do início que funciona como uma espécie de libertação. Nós somos Teresa! – Miguel Valverde

Competição Nacional

SESSÕES

FICHA TÉCNICA

TIPO DE ESTREIA
Mundial
TÍTULO ORIGINAL
Uma Mãe Vai à Praia
DIÁLOGO
Português
LEGENDAS
Inglês
ARGUMENTO
Noelia Crispin
ELENCO
Cláudia Jardim, Margarida Bento, Rodrigo Costa
FOTOGRAFIA
Marina Tebechrani
SOM
Fernando Torres V.
MONTAGEM
Mattheus Macedo
PRODUTOR
Malu Lins
PRODUÇÃO
Lusófona FIlmes, Joana Ferreira
VENDAS
Lusófona FIlmes ([email protected])

PARTILHAR

CURTAS DO MESMO PROGRAMA

NEWSLETTER

  • TIPO DE CONTEÚDO