Toi qui!

Claire Angelini

IndieLisboa 2019 •

Experimental, 2018, 17′

Composto por imagens da obra cinematográfica de Dziga Vertov, “Toi qui!” apresenta-se como um «cine-poema de cine-citações em cine-homenagem à obra do cineasta Dziga Vertov». Vertov é evocado por Claire Angelini, pelo menos conhecido prisma de defensor da causa da emancipação feminina. (a partir do texto da Cinemateca Portuguesa)