Coqueluche

Depois do terno La bande à Juliette (IndieLisboa 2016), o segundo filme de Aurélien Peyre, Coqueluche, é uma mordaz comédia sobre os estereótipos: Laurine chegou com os seus tacões de salto alto para arrasar (literalmente).

La bande a Juliette

Aos 19 anos as velhas amizades quebram-se para dar espaço às novas, La bande à Juliette banha-se alegremente no último dos Verões da adolescência.