IndieLisboa 2017 |

Documentário, Ficção, 2016, 80′, DCP

Argumento: Kiro Russo, Gilmar Gonzales

Fotografia: Pablo Paniagua

Som: Kiro Russo, Gilmar Gonzales, Marcelo Guzmán, Pepo Razzari

Montagem: Kiro Russo, Pablo Paniagua

Com: Julio César Ticona, Narciso Choquecallata, Anastasia Daza

Produtor: Kiro Russo, Pablo Paniagua, Gilmar Gonzales

Produção: Socavón Cine

Países: Bolívia, Qatar

Elder fica órfão, mas isso não parece incomodá-lo muito. Vai viver com a avó, e o padrinho arranja-lhe emprego na mina. Mas Elder prefere vaguear, embriagado, pelos becos escuros da cidade. Este comportamento coloca-o em rota de colisão com a vida. Viejo Calavera é a primeira longa metragem de Kiro Russo, que venceu por duas vezes o grande prémio de curta metragem no IndieLisboa, com Juku e Nueva Vida, em 2012 e 2016. O seu olhar é dono de uma enorme força documental e, neste filme, retrata a dureza do trabalho nas minas de Huanuni, na Bolívia.

Sessões