IndieLisboa 2017 |

Documentário, 2016, 62′, DCP

Argumento: Alejandra Rojo

Fotografia: Jérôme Colin

Música: Jorge Arriagada

Som: Roxane Billamboz

Montagem: Isabelle Poudevigne

Produtor: Delphine Morel

Produção: TS Productions

Países: França

Raoul Ruiz morreu em 2011, deixando uma obra que conta com 118 filmes, entre longas e curtas metragens. A realizadora Alejandra Rojo recorda como Ruiz gostava de estar com os seus amigos e de com eles bem comer e bem beber. Esta paixão pela vida encontra-se nos seus filmes e Rojo – partindo de excertos de filmes, antigas entrevistas ao realizador e depoimentos de colaboradores, incluindo o seu produtor português, Paulo Branco – mergulha numa análise da relação entre o homem e a obra, apresentando três possíveis linhas de leitura: a poesia, a ciência e a infância.

Sessões